IV JAC Jundiaí – Resumo – Análise do comportamento e educação: uma aproximação das propostas de Skinner às políticas públicas

IV JAC Jundiaí - Resumo - Análise do comportamento e educação: uma aproximação das propostas de Skinner às políticas públicas 5
Autor: Natália de Mesquita Matheus

Resultados recentes da educação brasileira têm apontado que o País, apesar de ter avançado em termos de acesso à escolarização, a educação que tem sido oferecida aos alunos deixa a desejar. Para que a Análise do Comportamento possa de fato contribuir para a melhoria da Educação no país, acredita-se que é necessário, em primeiro lugar, conhecer as políticas educacionais que vem sendo adotadas e quais são os possíveis efeitos dessas políticas no sistema educacional como um todo. Algumas das ações do Ministério da Educação (MEC) nos últimos anos, como por exemplo, o Plano Nacional da Educação proposto em 2011, aponta possíveis contribuições que a Análise do Comportamento pode dar ao Sistema educacional nacional: 1. Contribuição teórico/conceitualmente sobre o fenômeno da aprendizagem; 2. Favorecimento na colocação de objetivos educacionais propostos por agências governamentais ou por professores; 3.  Proposição de alternativas de ensino eficazes para implantação na rede pública; 4. Identificação de práticas e contingências que promovem os melhores resultados no ensino e na aprendizagem.

Palavras-chave: educação, análise do comportamento, políticas públicas

0 0 votes
Article Rating
Avatar

Escrito por Aline Couto

Tem 22 anos e reside em Salvador, BA. Formada em Psicologia pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Durante o curso, aproximou-se da Análise do Comportamento, da Psicologia Cognitivo-Comportamental e da Neuropsicologia. Participou de grupos de pesquisa sobre Neuropsicologia Clínica e Cognitiva e Análise do Comportamento e Cibercultura na sua faculdade, além de grupos de estudo sobre Behaviorismo Radical.