Aplicativo ajuda crianças com paralisia cerebral


No Brasil, milhões de pessoas não falam por causa de problemas que afetam as habilidades cognitivas ou motoras, como autismo, esclerose múltipla, sequelas de derrame cerebral (AVC) ou paralisia cerebral – caso de Clara, de 6 anos, vítima de complicações no parto. Graças à tecnologia, porém, ela pode se comunicar com a família e amigos, usando o aplicativo Livox – Liberdade em voz alta. 

Criada pelo analista de sistemas Carlos Pereira, pai de Clara, a ferramenta dá acesso a uma série de palavras e desenhos simples, que permitem expresser desejos e necessidades. É possível descrever emoções e sensações – “entediado”, “com dor”, “com fome” – ou indicar ações. Ao escolher “comer”, por exemplo, o aplicativo direciona para alternativas de comida. Pereira conta sobre um episódio em que a filha escolheu almoçar “espaguete à bolonhesa”e não coube em si de felicidade ao ver o prato chegar.


Aplicativo ajuda crianças com paralisia cerebral 5
Fonte: Mente e Cérebro
0 0 vote
Article Rating
Portal Comporte-se

Escrito por Portal Comporte-se

O Comporte-se: Psicologia e Análise do Comportamento foi criado em 2008 e é hoje o principal portal de Análise do Comportamento do Brasil. Nele você encontra artigos discutindo temas diversos à partir do referencial teórico da abordagem; dicas de filmes, livros, periódicos e outros materiais; entrevistas exclusivas; divulgação de cursos, promoções, eventos e muito mais.